ChristianFiquei praticamente uns 15 anos sem a rotina de um exercício físico. Foram várias as tentativas de matrículas (e desperdício de dinheiro) em academias, que culminavam com minha desistência principalmente pela falta de acompanhamento profissional e pelos olhares maldosos e desestimulantes de muitos que costumam frequentá-las.

O máximo que vinha fazendo nos últimos tempos eram as pedaladas, longas, diga-se de passagem. Até que descobri o Pilates. Vocês não têm ideia do que isso está representando na minha vida. Exercícios milimetricamente instruídos e acompanhados por profissionais extremamente competentes e atenciosos.

O Pilates está me fazendo redescobrir o meu corpo e tem me devolvido a alegria de sentir que ainda posso muita coisa com ele. Tenho feito três vezes por semana (e lá se vamos para concluir o quarto mês), e hoje, se pudesse, faria todos os dias. Que o universo conspire a favor.

(Christian Goldschmidt)
Jornalista